Um dia…

Um dia penso estar noutro lugar,
saborear um novo vento…
apalpar um novo ar,
e quiçá desfrutar um novo momento.
Um dia chego a um sítio distante,
me encontro com a sorte…
despeço-me do azar cortante…
e tento desafiar a morte.
Um dia viajo para uma cidade cinzenta,
pinto-a de cores quentes…
sou criticado por quem a inventa…
e louvado por frescas e belas mentes.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Comments (

1

)

  1. Anónimo

    Ah que bom se assim fosse :)termos oportunidade de mudar de mundo e mudarmos esse mundo conforme nos apetecesse!!!agora puseste me a vaguear nessa utopia!!!bjinho****adorei 🙂