Volúpias FARPAS

Bastardo inglório
Sombra divina
Descarregada
Na latrina
Volúpias, farpas
Com que os azucrina
Esquentas a enxaqueca
De quem por pensamento
Peca!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Comments (

1

)

  1. Unknown

    belos poemas, parabéns pelo blog, bom fim de semana