Desmaio


Parte-se o espelho

Dum rosto alegre
Cai a máscara da felicidade
Sussurra-se a palavra vaidade
Dum morto agre
Concerta-se a fotografia
Da sublime divindade
Tropeça nos calabouços do terror
Sofre, por sofrer de amor
De noite e de dia
Desmaia na ansiedade
Duma cama sem cor.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Comments (

0

)