Rabiscando

Silencioso, rasurado…
Sensurado, amargurado…
Plano, plenamente leve,
sobre a sonoridade de certas palavras,
que me animam e me intristecem.
Súbito devaneio,
da feroz intensa essência humana…
Medo, submete-me,
Nervos, possuem-me
e eu desvaneço
sempre eterno…
sempre mortal…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Comments (

0

)