Um toque de felicidade

Desembrulhando os últimos momentos desta quadra,
Soberbo, me encontro nesta alvorada…
Visitando e desvendando as faces tristes e sorridentes…
De todos aqueles com quem tive o prazer desta quadra festejar.

Sonhando com um futuro amadurecido e luminoso, surpreendente e esplendoroso;
Divulgo o meu ser e partilho-o com os outros, de forma a aprender e ensinar para um mundo melhor poder cultivar.

Aprendi também durante estes anos da minha curta vida que aos poucos e poucos se faz a diferença…

Portanto pretendo caminhar pelo meu destino batalhando contra as marés, viver e buscar incessantemente o meu ser, a razão das coisas e sonhar, porque também sei que o sonho alimenta o homem, por isso sou magro de corpo e gordo em sonhos…