IRENE Y LA RUINA

Sobre los sobres del pasado
ha tejido su gusto adulado

en una sombra de detalles
ha perdido su ánima

escuchando entre tenieblas
la dulce canción de su mama

…de ruina en ruina Irene alucina…

olvidando su parada
en una dispersión parpada


con el matcha en la mano
arruinarse se vuelve sano.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Comments (

0

)