Silencioso

Antes de simular um feliz sentimento

corro e atravesso um descontente sofrimento

Mergulho de olhos fechados no silêncio

e enconto-me com a solidão

Separo o real do sobrenatural

e distingo o mundo consciente…

de que algo irá extreminar a minha solidão…

e aí possa descobrir o valor do barulho e da amizade!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Comments (

1

)

  1. Anónimo

    A poesia que tentas construir nunca te deixará só …e atrás dela muita gente virá …